Violência em prédios

8 de julho de 2017

Reportagem jornal A Tribuna

No que depender da cúpula de Segurança Pública e do Ministério Público, novas operações irão acontecer para coibir a ação de bandidos em condomínio na Grande Vitória.

O superintendente de Polícia Especializada (SPE), delegado José Darcy Arruda, disse ontem que à medida que as investigações avançarem, novas operações serão planejadas, inclusive no condomínio Ourimar I e II, na Serra.

“Estamos fazendo o mapeamento, vamos continuar investigando e, a partir daí, iremos fazer o planejamento de novas operações. O tráfico não vai dominar os condomínios em hipótese alguma.”

Já o promotor de Justiça da Serra, Rodrigo Monteiro da Silva, também garantiu ontem que novas operações de combate à criminalidade vão acontecer.

O promotor destacou que os moradores do Ourimar  e II viviam uma situação atípica, por isso, foi necessária uma operação do tamanho da realizada na quinta-feira.

“As pessoas estavam com seu direito cerceado. Muita gente que conseguiu ter sua casa própria pela primeira vez na vida e teve que dar dinheiro para traficantes”, disse

Para ele, são necessárias mais ações desse tipo, porém o aparato deve ser menor.

“O objetivo é fazer com que o Estado se mantenha presente, que a Polícia Militar se mantenha mais frequente naquela região para evitar que os criminosos que fugiram voltem e tomem o condomínio”, afirmou o promotor.

SINDICATO

“Infelizmente a bandidagem não tem limite e está presente em condomínios populares e luxuosos. O risco é iminente”. A declaração é do presidente do Sindicato Patronal de Condomínios do Estado do Espírito Santo, Cyro Bach Monteiro.

Ele ressaltou ainda que os condôminos têm que ter muito cuidado e devem ficar atentos a tudo, inclusive ao controle de entrada de visitantes.

Cyro Bach contou que muitos moradores têm preocupação em denunciar, por medo de represália de criminosos.

“As pessoas precisam ter tranquilidade, pois é importante denunciar. O problema é que muitos têm medo de que a pessoa seja presa e volte para o condomínio. Mas a única forma de acabar com isso (ação de criminosos) é denunciando o fato às autoridades”.

Sobre o trabalho da polícia, ele classificou como importante, tanto o policiamento ostensivo da PM quanto as investigações feitas pela Polícia Civil.

Facebook Comments
Voltar

Deixe um comentário

%d blogueiros gostam disto: