Muro de vidro alia modernidade à segurança

15 de Março de 2017

Uma tendência bem visível nos novos condomínios é quanto a utilização de muros de vidro em volta do empreendimento. Seja por uma questão estética mais atual ou até mesmo para integrar o condomínio ao ambiente externo graças a transparência do material, capaz de proporcionar uma nítida redução da sensação de confinamento e isolamento que os muros de alvenaria possam indicar.

Seja por essa integração, modernidade ou pela valorização que esse modelo possa imprimir sobre os condomínios, é facilmente perceptível que tem sido cada vez mais comum a presença dos muros de vidro nas reformas de fachadas dos prédios.

“São vários os aspectos que levam à escolha desse tipo de material. O ambiente fica mais claro, o empreendimento fica mais moderno e dependendo do material escolhido é muito rápido de ser feito, não é caro e valoriza o imóvel”, garante Gilson Pinto Pessanha, síndico do condomínio do Ed Vanguard, localizado em Jardim da Penha, na capital.

Quanto à definição sobre qual tipo de vidro será o melhor para o muro do seu prédio vai depender de vários aspectos. Devem ser considerados pontos relacionados à segurança do local, principal finalidade da aplicação e o quanto o seu condomínio está disposto a investir no projeto. Os tipos de vidro mais utilizados são os laminados, que variam de quatro a cinco milímetros de espessura, e os temperados, em que os de oito a dez milímetros são os mais utilizados.

“A colocação de muro de vidro é uma tendência. O transparente é o mais utilizado, para evitar conflito com as cores utilizadas nas fachadas. O síndico e as pessoas que contratam esse serviço devem ficar atentas a algumas normas básicas de segurança, estabelecidas pela ABNT. O vidro tem que ser obrigatoriamente temperado, e a partir do 1º andar eles precisam ser temperados e laminados. Não pode fugir disso. Por isso a importância de uma mão de obra especializada e que conheça o que está sendo executado. Quanto ao material os mais usados são a estrutura feita em alumínio ou inox”, orienta Fábio Falk, proprietário da Vidraçaria São Pedro.

A principal diferença de um vidro para o outro é a segurança e modo que cada um se despedaça ou quebra em caso de impacto. O vidro temperado, por exemplo, fragmenta-se em pedaços pequenos e pouco cortantes.

Ao contrário do que muitos pensam em relação à segurança do condomínio, a transparência dos vidros não é problema. “A aplicação do muro de vidro em nada interfere na segurança dos condomínios, pelo contrário. A transparência também aumenta a visibilidade para o lado externo. A segurança está mais relacionada ao fato dos moradores e empregados estarem atentos às normas e procedimentos do que ao vidro instalado”, pondera Cyro Bach Monteiro, presidente do SIPCES.

A manutenção do vidro se resume à limpeza com água e sabão neutro, devendo os vidros serem enxugados após a limpeza.

SAIBA MAIS
Espessura – O ideal é que o vidro tenha ao menos 5 milímetros de espessura e que sua fixação seja feita com materiais adequados, de modo a garantir total segurança.

Tipo de vidro – Leve em conta que acidentes podem acontecer, e os modelos mais baratos e comuns tendem a quebrar em pedaços maiores, colocando todos em risco. Leve em consideração o vidro temperado (ideal de 8 a 10 milímetros) ou laminado (ideal 5 milímetros).

Visibilidade – A superfície translúcida deixa o imóvel visível, mas também permite que os moradores possam ver as movimentações estranhas ao redor do imóvel, difcultando a ação de bandidos.

GLOSSÁRIO
Vidro float – É o comum, liso, transparente e que serve de matéria-prima para os outros tipos;

Laminado – É um sanduíche de vidros. Duas ou mais placas são unidas por uma camada intermediária. Em caso de quebra, é nessa camada intermediária que os cacos ficam presos, tornando o produto seguro. É o tipo mais usado nos
muros;

Refletivo – Conhecido como “espelhado”. É um vidro capaz de interferir no grau de transmissão luminosa e de calor para dentro do ambiente;

Temperado – Em caso de quebra, fragmenta-se em pedaços pequenos e pouco cortantes.

VANTAGENS
– Moderno
– Visibilidade
– Resistência
– Facilidade de limpeza
– Dispensa o retoque da pintura
– Instalação rápida
– Variedade de cores e modelos

Facebook Comments
Voltar

Deixe um comentário

%d blogueiros gostam disto: