Verão sem seca nas áreas comuns

10 de novembro de 2016

Reportagem Paula Gama, jornal A Gazeta

Mesmo diante de uma crise hídrica é possível manter o condomínio com todos os equipamentos funcionando e sem culpa. Para isso, é importante prestar atenção na limpeza das piscinas e criar outros mecanismos para economizar água.

O proprietário do Shopping das Piscinas, JoséWilsonMoyses, explica que pelo menos 10cm de água são perdidos a cada aspiração. “Usando os produtos certos já é possível passar mais tempo sem a aspiração, que é, normalmente, quando há o desperdício. Durante este processo uma parte da água – que está com resíduos sólidos – é eliminada, mas o recurso pode ser tratado separadamente e reinserido na piscina”, orienta Wilson.

Muitos condomínios apostam ainda em captação de água da chuva e do ar-condicionado para evitar a seca no verão. “Instalar um tanque Slim pode ser uma solução que ocupa pouco espaço. Normalmente, a edificação possui seu próprio sistema de calhas, então só será necessário instalar o reservatório”, informa Andréa Mathedi, gerente de marketing da Fortlev.

Para algumas ações não é preciso aprovação em assembleia. “O síndico tem uma verba mensal para ser utilizada com liberdade”, diz o presidente do Sindicato Patronal de Condomínios, Cyro Bach Monteiro.

Facebook Comments
Voltar

Deixe um comentário

%d blogueiros gostam disto: