Deixe o imóvel seguro no período de férias

14 de Janeiro de 2016

Publicação A Gazeta 14 de janeiro de 2016

Aproveitar todos os momentos de uma viagem é mais fácil quando são tomados os cuidados necessários para deixar a casa em segurança. Para isso, vale desde mudanças no comportamento até o investimento em tecnologia.

As regras básicas antes de sair para uma viagem, segundo o presidente do Sindicato Patronal de Condomínios e Empresas Administradoras de Condomínios (Sipces), Cyro Bach Monteiro, são fechar bem as portas e interromper o fornecimento de água e gás. “Também é recomendado deixar um parente em posse das chaves do imóvel e o contato dele com a administração do condomínio”, orienta Cyro.

É comum as pessoas deixarem a chave na portaria, mas o presidente do sindicato alerta que esta não é uma conduta segura, pois o porteiro pode se ausentar por alguns instantes. Outra atitude comum que deve ser deixada para trás é manter uma luz acesa: ao invés de afastar ladrões, o velho truque indica que a casa está vazia. A saída seria instalar lâmpadas automáticas que acendem à noite e apagam durante o dia. Se a casa tiver sistema de automação residencial, o proprietário pode simular uma vida ativa pelo tablete ou smartphone, ligando e desligando eletrodomésticos.

Há recursos tecnológicos que variam de R$ 7mil – como uma porta blindada – até milhões de reais.

“Há soluções como Central de Monitoramento e Controle de Acesso – que controla portas, câmeras, acesso de pessoas e veículos, elevadores, cancelas e alarmes -, blindagem de portas e janelas e fechaduras biométricas”, diz Rodrigo Cagnato, o porta-voz da empresa de equipamentos de segurança patrimonial Vault.

Facebook Comments
Voltar

Deixe um comentário

%d blogueiros gostam disto: